Hitachi

Compartilhe:

Desenvolvimento socioeconômico na região sul exigia uma nova alternativa de transporte.

Em meados da década de 1980, as cidades de Porto Alegre, Canoas, Esteio e Sapucaia do Sul estavam no ápice de seu desenvolvimento, apresentando uma alta capacidade de geração de empregos. No entanto, eram conectadas de forma ineficiente, apenas pela rodovia BR-116. A Trensurb desenvolveu então um amplo projeto ferroviário e recorreu à Hitachi para fornecer trens de alta qualidade para interligar esses importantes municípios.


Desafio

Operar diversos trens simultaneamente dentro da mesma linha.

resultado

99% de regularidade, milhares de pessoas transportadas e melhorias inesperadas na região.

Crescimento da região sul impulsionou a construção de uma nova ferrovia.

A Trensurb, Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A., foi fundada em 1980 para fornecer transporte seguro e de qualidade em uma região de grande importância para a economia brasileira.

Tal região, compreendida por Porto Alegre, Canoas, Esteio e Sapucaia do Sul, passava por um expressivo crescimento socioeconômico na década de 1980, com alta capacidade de geração de empregos.

No entanto, as quatro cidades eram ligadas apenas pela rodovia BR-116, e os congestionamentos nessa via já apresentavam ameaças reais ao potencial de crescimento da região. Era então de extrema importância uma melhoria no sistema de transportes, com a inserção de opções de locomoção mais seguras e eficientes.

A Trensurb projetou então uma nova e vital rota ferroviária, contando com a Hitachi Transportation Systems para fornecer locomotivas de alta qualidade, compatíveis com a grandiosidade desse importante projeto.

Região Sul
Região sul do Brasil
Neste vídeo: Marco Arildo, Diretor Presidente da Trensurb, fala sobre a qualidade dos trens Hitachi e a importância deles para a população de Porto Alegre, Canoas, Esteio e Sapucaia do Sul (entrevista concedida em setembro de 2010).(1:09)

Este estudo de caso foi inteiramente baseado nesta entrevista com o Sr. Marco Arildo Prates da Cunha, Diretor-Presidente da Trensurb, realizada em setembro de 2010.